2a edição de livro sobre Clube da Esquina traz os bastidores do álbum de 1972

PIN

Lançado em 1972, o icônico álbum Clube da Esquina completará 50 anos em 2022. Os bastidores do que se tornou uma das obras musicais mais importantes do País são apresentados no livro que chega à sua segunda edição.

A 2a edição de Coração Americano traz textos e fotos inéditas como do ex-ministro e ex-secretário de cultura da capital Juca Ferreira, do jornalista João Paulo Cunha e dos fotógrafos Wilton Montenegro e Ivan Simas.

A publicação tem ainda textos de Fernando Brant, Márcio Borges, Ronaldo Bastos, Lô Borges, Tavito, Toninho Horta, Chico Amaral, Bernardo Novais da Mata Machado e Rodrigo James. Coração Americano reconstitui os bastidores que geraram o álbum de Milton Nascimento e Lô Borges com depoimento dos artistas que participaram desse disco.

A história do álbum Clube da Esquina, contada por seus protagonistas destacam Milton Nascimento como a figura central, o aglutinador que possibilitou a realização desse projeto coletivo.

Fotos raras, compõem o livro e são uma espécie de volta ao tempo para os fãs e descoberta para as novas gerações que só ouviram falar das reuniões iniciadas na famosa esquina das ruas Paraisópolis e Divinópolis, no bairro de Santa Teresa, em Belo Horizonte.

 

Total de páginas: 196

Total de imagens: 86

 

Projeto Coração Americano 2a edição”  nº 0381, aprovado no Edital 2017/2018 oriundo da Política de Fomento à Cultura Municipal (Lei nº 11.010/2016).

Hi, I'm Andrea Estanislau

Mineira de Belo Horizonte. Mestre em Educação pela Faculdade de Educação da UFMG. Graduada em Design Gráfico pela Escola de Design da UEMG. Organizadora e produtora do livro "Coração Americano - 35 anos do álbum Clube da Esquina" (Belo Horizonte, 2008).

Comentários (29)

  1. ANDRE RIBEIRO ALVES

    2 de agosto, 2020 às 12:44

    Olá! Como faço pra adquirir um exemplar do livro?

    • Andrea Estanislau

      15 de agosto, 2020 às 17:43

      André, o livro não está sendo comercializado, será distribuído em escolas, bilbiotecas e centros culturais.
      Farei sorteio de exemplares no meu Instagram.

      • Túlio Dayrell

        22 de setembro, 2020 às 20:53

        Que trabalho sensível e Delicado! Andrea parabéns pelo trabalho, espero que todos possam conhecer esse livro e conhecer um pouco mais do Clube.

  2. Ana Raquel Rodrigues

    22 de setembro, 2020 às 19:30

    Estou lendo e o livro é maravilhoso!!!
    Fotografia incrível, edição linda demais
    Sem contar a sensação de estar vivênciando com esses magos da música mineira toda a arte e musicalidade que nos marca à décadas!

  3. Beatriz Mendes

    22 de setembro, 2020 às 20:07

    Li e estou relendo o exemplar de ” Coração Americano 2 edição do álbum Clube da Esquina, que me fez voltar aos meus tempos de adolescente. Uma perfeita desses ícones da música brasileira, organizado por Andréa Estanislau, uma obra perfeita dos melhores iones da música brasileira que tanto fizeram ali na esquina do bairro Santa Tereza. Não deixem a música acabar. Vcs são nossos heróis mineiros. Quero compartilhar este álbum para as pessoas que amam a música brasileira. Parabéns a todos que participaram dessa obra magnífica. Vou reler ainda. Só tem coisa boa. 🙏

  4. conceição clarete xavier travalha

    22 de setembro, 2020 às 21:08

    Livro está fantástico, muito vem organizado/ elaborado, fotos lindas! Belo presente para todos nós que vivemos esse tempo e para as gerações que chegam e precisam ter conhecimento da boa música produzida e sa cultura das Minas Gerais.

  5. Tarcísio Simões de Siqueira

    22 de setembro, 2020 às 21:16

    É um livro lindo, muito bem escrito, com fotos incríveis. Um registro primoroso de uma época marcante da história mineira.

  6. Cláudia

    23 de setembro, 2020 às 17:23

    Ler Coração Americano de Andréa Estanislau é rever a trajetória do Clube da Esquina, é viver o Clube da Esquina, é vivenciar o Clube da Esquina. Sonhos não envelhecem.

  7. Danieli

    23 de setembro, 2020 às 20:36

    Este livro é lindo e muito necessário como registro do álbum de 1972, mas é também um registro de muitas histórias com uma linguagem fluida e com fotos belíssimas. Os textos bem escritos, partituras, minibiografias… As falas dos integrantes, as Memórias de Mar Azul, as canções… É muito precioso. Vida longa ao Clube da Esquina! Obrigada, Andréia por este trabalho! Abraços.

  8. Wandi Doratiotto

    25 de setembro, 2020 às 09:22

    Recebi o livro Coração Americano sobre o Clube da Esquina, organizado pela Andrea e adorei! Li em dois dias; uma deliciosa viagem feita com rigor e despojamento sobre a melhor música que se fez no Brasil. Um trabalho primoroso que servirá como norte para as novas gerações que se debruçaram sobre os exuberantes anos 70 que ecoam forte em nossos dias. Fico feliz por saber que Andrea assistia ao programa Bem Brasil, que apresentei na TV Cultura e que possa ter estimulado sua sensibilidade e inteligência para essa nobre missão. Um grande abraço e parabéns (Wandi Doratiotto)

  9. Maira Cristina

    26 de setembro, 2020 às 16:41

    Coração Americano – Bastidores do álbum Clube da Esquina, organizado por Andrea Estanislau, é um trabalho refinado e singelo. Com uma editoração primorosa, o livro costura com maestria depoimentos e fotos dos artistas que participaram de um dos discos mais importantes da música brasileira, além de trazer textos de jornalistas e pessoas ligadas a cultura. A sensação que temos ao ler Coração Americano é que estamos com amigos tomando um café na cozinha ou uma cerveja no boteco da esquina. As memórias ali contidas transbordam de amizade, liberdade e afeto. Impossível não colocar o disco pra tocar e mergulhar nas histórias de Milton Nascimento, Lô Borges, Ronaldo Bastos, Beto Guedes, Marcio Borges e todo Clube. Belo registro.

  10. Rafael Rondina

    28 de setembro, 2020 às 08:38

    Livro lindo – design, fotografias, leitura super agradável, o conteúdo então….! Emocionante saber sobre os bastidores e vivenciar um pouco da atmosfera em que tudo aconteceu, entendendo melhor o álbum e o movimento Clube da Esquina.

  11. Gustavo Oliveira

    6 de outubro, 2020 às 18:47

    Esse livro da Andrea Estanislau e maravilhoso! Uma referencia e imprescindivel ao “Clubeiro”. Recheado de fotos e de informacoes, torna-se obrigatorio te-lo e le-lo.

  12. Richard Mendes

    7 de outubro, 2020 às 07:36

    Que felicidade receber hoje o meu exemplar de “Coração Americano-bastidores do álbum Clube da Esquina” , organizado pela Andrea Estanislau.
    Uma obra feita com muita dedicação, competência e amor que faz ratificar em nossos corações que “Os sonhos não envelhecem” e que ” Se muito vale o já feito, mais vale o que será “.
    Parabéns, Andrea e muito, muito obrigado !

  13. Luiz Marques

    9 de outubro, 2020 às 10:43

    Andrea, que primor o livro Coração Americano. As fotos são lindas e muitas inéditas. A diagramação e papel super bacanas. Parabéns estou curtindo muito esta obra prima que vc criou. Parabéns e que venham outros… Abração e muito obrigado.
    Sem falar no conteúdo, textos belíssimos e de quem entende do riscado. Vou ali dar mais uma lida.

  14. Vinícius Andrade

    13 de outubro, 2020 às 21:55

    Tive a honra de ser contemplado com um exemplar desse belíssimo livro, trabalho maravilhoso, essencial para os apaixonados pelo Clube da Esquina.
    Estou encantado! Sem dúvida guardarei com muito carinho, como faço com os discos do Clube da Esquina, do Bituca, do Lô e do Beto.
    Parabéns Andrea pelo brilhante trabalho.
    Nota MIL!!! O Clube da Esquina merecia um trabalho a altura como o seu.

  15. Diogo Cruvinel

    15 de outubro, 2020 às 06:52

    Este livro conseguiu reunir numa única obra o belíssimo registro fotográfico e textual da gravação de um dos discos mais importantes da história da música. A qualidade do material é simplesmente impressionante! A cada página somos impactados pela riqueza do conteúdo e o evidente cuidado da Andréia com cada detalhe, frutos da intensidade de sua dedicação ao longo de muitos anos. É um livro para ser lido e degustado muitas e muitas vezes. Parabéns por esse valiosíssimo trabalho. Nós, fãs do Clube da Esquina, temos muito a agradecer!

  16. Diogo Cruvinel

    15 de outubro, 2020 às 06:55

    Este livro conseguiu reunir numa única obra o belíssimo registro fotográfico e textual da gravação de um dos discos mais importantes da história da música. A qualidade do material é simplesmente impressionante! A cada página somos impactados pela riqueza do conteúdo e o evidente cuidado da Andréa com cada detalhe, frutos da intensidade de sua dedicação ao longo de muitos anos. É um livro para ser lido e degustado muitas e muitas vezes. Parabéns por esse valiosíssimo trabalho. Nós, fãs do Clube da Esquina, temos muito a agradecer!

  17. José Moreira Filho

    18 de outubro, 2020 às 20:59

    Uma obra primorosa que resgata os bastidores da produção de uma pérola de nossa MPB ,* Clube da Esquina *
    É mais que um disco ou movimento musical , podemos traduzir como um novo conceito de estética sonora que originou-se na Geraes e conquistou o Mundo.
    Parabéns Andrea Estanislau pela releitura deste trabalho, grato pelo envio.

  18. Márcia

    21 de outubro, 2020 às 19:15

    Bom gosto, beleza, uma nostalgia gostosa e uma revigorante viagem pela cultura mineira!
    Tudo deliciosamente conduzido pela paixão da autora.
    Um privilégio ter acesso a tanta informação reunida de forma tão bela!
    Parabéns, Andréa!

  19. Leandro Aguiar

    23 de outubro, 2020 às 10:55

    Tive o prazer de ganhar esse primoroso exemplar da minha querida pupila Andrea Estanislau e estou ainda em extase !!! Uma obra prima !!! E que cuidado e delicadeza desse material, dá pra perceber o carinho e a paixão da Andrea pela riqueza de detalhes das historias , nas fotos escolhidas a dedo, e na beleza de todo material!!!
    Um livro que todos tinham que ter acesso!!! Muito obrigado por todo carinho, por deixar esse lindo registro para o mundo e por me presentear com essa maravilha!!!

  20. Célio Rocha

    24 de outubro, 2020 às 03:35

    O livro é majestoso e o trabalho impecável. Esse disco é parte da minha vida e está marcado na minha pele. Como musicista sempre tive a curiosidade de saber como foi o processo de composição e gravação das musicas. O time que representa o clube da esquina só tem craque e o meu maior ídolo da música brasileira: Beto Guedes. Obrigado pelo seu trabalho Andrea!

  21. Jacinto de Melo

    31 de outubro, 2020 às 20:19

    Que trabalho primoroso, muito estudo e dedicação de Andréa Estanislau, obra prima da história do Clube da Esquina, espero que muitas pessoas possam conhecer tão belo trabalho.

  22. Laise

    6 de novembro, 2020 às 09:10

    Foi com emoção que li o livro Coração Americano da Andrea Estanislau! Sei que ali estão emoção, carinho, admiração e, sobretudo, muita dedicação! Seu estudo, Andrea, demonstra o seu elevado e cuidadoso grau de pesquisa e seu acurado zelo com as coisas que faz Parabéns

  23. Rodolfo Chaves

    6 de novembro, 2020 às 21:23

    Tive a oportunidade de me deliciar com o livro, que avalio como uma inigualável obra de arte. Uma produção belíssima, com fotografias maravilhosas e texto agradabilíssimo.
    Parabéns pelo Belo trabalho, Andrea!

  24. André Ribeiro

    10 de novembro, 2020 às 09:25

    Que maravilha de livro! Um trabalho primoroso, uma obra pra ser lembrada pra sempre! Conseguir reunir em texto e foto cada detalhe do disco é uma coisa de se aplaudir de pé e se emocionar, como cada música cantada por Milton e Lô. PARABÉNS ANDREA, espero que muitas pessoas consigam ter o prazer de ler essa obra prima.

  25. Paulo Nogueira

    13 de novembro, 2020 às 14:50

    Eu sou de Minas através do Clube da Esquina. Meu irmão mais velho levou o vinil e colocou na vitrola e eu, com doze anos, fiquei maravilhado com aqueles timbres, aquelas sonoridades, Minas era música, era Milton. Isso lá em Fortaleza. mais de vinte anos depois vim morar em Belo Horizonte. Escolhi morar aqui e de alguma forma a música me trouxe, o clube da esquina me trouxe. Tanto que uma das primeiras coisas que fiz foi ir a Santa Tereza, ver o clube, esse livro se soma a essas memmórias da cidade e de mina vida, lindo livro. Paulo Nogueira

  26. Laise Silveira Machado Coelho

    17 de novembro, 2020 às 08:44

    Fantástico mais esse trabalho da Andrea! Como tudo que ela faz, muito lindo, informativo, caprichado. Parabéns, Andrea querida

  27. Marcília Cristina Machado Ferreira Soares

    9 de dezembro, 2020 às 14:53

    Li e reli Coração Americano. Cantarolei enquanto passeava pelas fotografias. Me encantei com a beleza do livro.
    Aos 13 anos de idade, moradora do interior de Minas, mais perto do Rio do que de Bh, quando um primo mais velho me presenteou com uma fita cassete com as músicas mineiras. Construí minha vida com esse “fundo musical”. Ainda é assim.
    Ler, ver e sentir aos relatos desses músicos em relação à época foi reviver sonhos.
    Andréa me trouxe a vontade de espalhar pelas escolas as canções e histórias de um tempo em que se misturam arte, música, poesia e sonhos. Registro histórico do que é nossa identidade. “Sou do mundo, sou Minas Gerais”

Diga algo sobre este artigo...